Comportamento · Filme · Jornalismo

Jornalismo entre a paixão e a loucura

new

Você só encontra sua verdadeira profissão quando percebe qual é a sua essência. No jornalismo a essência é: Não bater muito bem da cabeça. E foi aí que eu me encontrei!

Lembro-me de quando surgiu o assunto de qual carreira seguir entre eu e outras três amigas. Nós nunca tínhamos comentado nada sobre isso e acabou que todas as quatros disseram que queriam fazer Jornalismo (Detalhe que nós nos chamávamos de ‘Doidinhas’).

Para perceber essa ligação, basta reparar no número de comédias românticas que de tempos em tempos tem jornalistas como personagens principais. A Jenna de “De repente 30” é uma das mais memoráveis, não conheço uma mulher que não tenha adorado essa personagem e seu filme. Outro um pouco mais recente, mostrava a Erin (Drew Barrymore) em “Amor à distância”  como estagiária de verão em um jornal de Nova York. Já Becky Bloom, a viciada em compras de “Delírios de consumo”, fez a gente querer controlar os impulsos na hora das compras com sua coluna de economia e com o seu próprio exemplo do que não fazer.

Em “O diabo veste Prada” que é um pouco menos comédia e mais sonho a ser alcançado, vemos a história da Andy. Filme que mais me fez suspirar na frente da televisão. O jornalismo em revistas de moda é definitivamente a minha casa!

E por último mas não menos importante, a querida Bridget Jones, que passava por cada uma que me fazia rir do começo ao fim (nós duas temos coisas em comum, sopa azul é minha especialidade!).

A loucura e o romance são partes importantes no Jornalismo e em mim também. Já dizia a Alice, “os loucos são as melhores pessoas que existem” e só sendo louco é que podemos fazer as mais variadas pautas, passar por muitos imprevistos diários e ainda assim continuar amando toda a correria, a edição e o resultado final. É aí que entra todo o romance!

Podem achar exagerado, mas eu realmente amo tudo isso! Agora, depois de me jogar de vez no Jornalismo, só vai me faltar o filme, porque afinal, não custa nada sonhar! Os requisitos básicos eu já tenho, só me resta realizar!

Anúncios

2 comentários em “Jornalismo entre a paixão e a loucura

  1. Esse post realmente foi inspirador,inclusive eu também gosto muito do filme “o diabo veste prada” .Você escreve muito bem,parabéns.Terá sucesso como jornalista.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s