Escrever · Loucuras · Velha e louca

Diálogo com a consciência

um belo dia resolvi mudar

Eu: Tá. Eu sei. Não deveria ter feito isso.

Consciência: Um mês? Você deixou passar um mês?

Eu: Ok, eu deveria ter sentado em frente ao computador e escrito alguma coisa, mas…

Consciência: Não tem “mas” por aqui!

Eu: Eu não tive tempo. Trabalho da faculdade, trabalho no trabalho, cansaço e muito cansaço em casa. A inspiração simplesmente não veio, quer dizer, veio, mas, o raciocínio não fluía sabe?!

Consciência: Sabe? Eu não sei de nada! Martelei na sua cabeça todos os dias para você escrever. Você fica quase quatro horas dentro de ônibus, trem e metrô; leve um caderno e escreva no caminho!

Eu: Você fala isso, mas tem uma boa parte de culpa nisto tudo. Você acha que pode ficar martelando na minha cabeça para fazer um post para o blog? Não é simples assim! Você grita muito alto aí dentro e eu não consigo pensar direito.

Consciência: Quer dizer que agora é culpa minha?

Eu: Sim, se você ficasse quieta pelo menos um pouco, eu conseguia pensar em alguma coisa útil!

(Silêncio)

_________________________________________________________________________

Posso não ter pensado em alguma coisa útil dessa vez, mas meu caderno de viagem está, a cada dia mais, se enchendo de inspiração.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s