Caixa de contos · vida breve!

Dessa vez {Caixa de contos}

 

dessa vez

Dessa vez não senti coisa alguma. Ver-te não fez diferença nenhuma no começo do dia.

Não senti as mãos tremerem, nem o rosto esquentar. Nunca fiquei tão feliz por ver o tempo passar.

Dessa vez não vi nada. Era só mais um em meio a multidão que passa freneticamente pela mesma rua o dia inteiro, todos os dias da semana.

Dessa vez não quis virar, nem ligeiramente arrumar o cabelo que logo pela manhã insiste em cair do lado errado.

Dessa vez meus olhos só encontraram os seus porque estavam no caminho. Não tinha atração, não teve momento, fração, nada que me fizesse parar ou querer voltar.

Dessa vez não fez diferença se já foi, se era para ser ou se nunca nada daquilo deveria ter acontecido. Tudo não passou de um tempo já esquecido.

Dessa vez olhei para frente como em qualquer situação rotineira.

Dessa vez não tinha falas e nem vontade de emitir uma só palavra.

Dessa vez não teve música errada tocando baixo no fone de ouvido.

Dessa vez ver-te foi o mesmo que nada.

Anúncios

Um comentário em “Dessa vez {Caixa de contos}

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s